Orientações para hora das refeições

1) Dê o exemplo Em primeiro lugar, os pais devem ser o exemplo para o filho. Não se pode querer que a criança coma um determinado tipo de alimento, se os próprios pais negam-se a comê- lo.

2) Oferecer sempre os alimentos que a criança recusou. O paladar da criança está sendo formado, portanto é necessário que se ofereça todo o tipo de alimento sugerido para cada faixa etária, sem deixar de ofertar aquele que ela por ventura já recusou.

3) Horários das refeições É de extrema importância criar uma rotina com horários certos para as refeições. Não oferecer nada entre os intervalos que possa prejudicar a próxima refeição.

4) Atenção à comida Não deixar a criança comer diante da televisão, tablets ou eletrônicos que possam distraí-la. É necessário que ela preste atenção no que está comendo.

5) Limitar o tempo da refeição A comida não deve ficar exposta por muito tempo. Caso a criança não coma, deixar claro que ela só vai poder comer no próximo horário de refeição.

6) Deixar a criança comer sozinha Dar autonomia para que ela desfrute deste momento, permitindo que adquira confiança, descubra novos sabores e desperte a curiosidade por novos alimentos.

7) Tornar o momento da refeição prazeroso Oferecer os alimentos de forma que a criança se interesse por eles, estimulando o desejo por experimentar.

A clínica Joseph El-mann é especialista em pediatria e neonatologia e oferece diversos serviços para o melhor atendimento. A clínica pediátrica está localizada na Av. das Américas, 3555, Rio de Janeiro.

Gostou do conteúdo? Compartilhe.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Muito Obrigado!
O link de acesso ao seu
e-Book já está no seu E-mail.